Renato Perim Colistete

Economia, História e História Econômica

Archive for maio \29\UTC 2011

Estatística e história

Posted by Renato em 29/05/2011

A estatística é uma das mais poderosas ferramentas para a análise de fenômenos físicos, biológicos e sociais, algo que é reconhecido há muito tempo. Na análise histórica ela é igualmente importante e mesmo necessária, mas nesse caso as resistências à estatística são bem maiores, chegando a criar incompreensão e preconceitos. É surpreendente constatar, por exemplo, que são praticamente inexistentes no Brasil cursos de graduação ou pós-graduação em História que ofereçam algum tipo de formação em análise estatística. Diferentemente do que ocorre em outros países, estudar estatística entre nós continua sendo visto como algo irrelevante, desnecessário ou até inaceitável na grande maioria dos cursos de história. Isso é assim mesmo diante do fato de que os historiadores deparam-se constantemente com situações em que é necessário, por exemplo, avaliar a representatividade de casos analisados, elaborar indicadores sintéticos sobre os dados extraídos de suas fontes e lidar com regularidades e variações nas características de uma população. Em casos como esses, a utilização da estatística é (seria) extremamente útil aos historiadores.

O que tenho percebido ao longo dos anos é que talvez a maior resistência ao uso da estatística deve-se menos à eventual dificuldade de uma disciplina mais formal do que a causas, vamos dizer, de natureza institucional (ou psicológica, como alguns podem preferir). Uma atitude comum é rejeitar a estatística tendo por base pouca ou nenhuma compreensão do que trata a disciplina de fato. É óbvio que a estatística não se aplica a todos os tipos de dados e nem se constitui no único método disponível para análise, mas é muito frequente ouvir pessoas rejeitarem uma análise quantitativa utilizando argumentos desse tipo. Outro fato que contribui para a resistência à estatística é a típica situação de alguém que foi formado em uma certa tradição e que teme o desconhecido. Em vez de estudar 1, 2 ou 3 anos para conhecer algo que não domina, é mais comum e confortável reproduzir institucionalmente posições arraigadas, inclusive entre os alunos, que são sempre uma ameaça potencial às visões estabelecidas.

Talvez a melhor forma de enfrentar essas resistências seja mostrar como a estatística é importante não só para as mais diferentes áreas de pesquisa, mas também para uma opinião mais informada em relação a vários assuntos do dia a dia. Uma impressionante tentativa desse tipo é um programa recente da BBC 4 com Hans Rosling, do Karolinska Institutet da Suécia.

Na página do Open Learn da Open University, é possível assistir partes do programa de Rosling tratando sobre médias e correlações, por exemplo. Além dos vídeos, a página do Open Learn traz a transcrição (em inglês) do programa.

Também no programa da BBC Rosling apresenta o que é uma das mais rápidas e bonitas demonstrações do poder da estatística: 200 países, 200 anos e 4 minutos. Clique aqui. Um vídeo para a primeira aula de um bom curso de história econômica ou desenvolvimento econômico.

Posted in Educação, História Econômica | 2 Comments »

Imigração alemã

Posted by Renato em 10/05/2011

Um dos episódios mais interessantes e importantes da imigração em São Paulo é a vinda de alemães e suiços em meados do século XIX para Ibicaba e depois para outras fazendas da região de Rio Claro e Limeira. Bruno Witzel está realizando uma ótima pesquisa sobre os contratos de parceria nessa região e no dia 12 vai fazer uma apresentação em Rio Claro sobre o tema, em um evento promovido pela Prefeitura da cidade e pelo Colégio Koelle. Os detalhes encontram-se aqui.

Posted in História Econômica | Leave a Comment »

Novo Doutorado

Posted by Renato em 06/05/2011

Recentemente a FEA aprovou a criação do novo doutorado em Economia do Desenvolvimento, com uma proposta inovadora de formação em Economia voltada às questões do desenvolvimento, combinando teoria econômica, história econômica e métodos quantitativos.

Veja mais detalhes do Programa aqui. As inscrições vão até 10 de junho.

Posted in Universidade | 2 Comments »

2a Escola de História Econômica

Posted by Renato em 05/05/2011

As inscrições para a segunda edição da Escola de Verão de História Econômica, realizada pelo Programa de Pós-Graduação em História Econômica da Universidad de la Republica, Uruguai, já estão sendo divulgadas. O evento seleciona 15 alunos de pós-graduação que estejam trabalhando com temas sobre América Latina e oferece um programa intensivo de seminários, conferências e tutorias. A primeira edição em 2010 foi um sucesso e a segunda ocorrerá em dezembro de 2011.

Clique aqui para ver a convocatória e outros detalhes.

Posted in História Econômica, Universidade | Leave a Comment »

Sweatshop

Posted by Renato em 01/05/2011

A propósito do dia de hoje: em meio aos entusiasmados (e desencontrados) anúncios sobre os investimentos da Foxconn, continuam as investigações sobre fatos relacionados a “um modelo onde a dignidade humana fundamental é sacrificada em nome do desenvolvimento”, como disseram os sociólogos chineses. Há muitos anos atrás tais fatos seriam pelo menos motivo de discussão aqui; hoje há apenas o silêncio característico do desenvolvimentismo.

Posted in Desigualdade | Leave a Comment »